‘O dinheiro que usamos não tem lastro’, diz diretor do Banco Central do Brasil afirmando que BACEN não pode regular Bitcoin

Resultado de imagem para BACEN

O especialista em supervisão bancária do Banco Central do Brasil, Fábio Carneiro, declarou que o dinheiro que usamos no dia-a-dia não tem lastro e que ele se assemelha a um tokem, segundo reportagem do Portal do Bicoin, publicada em 17 de setembro.

De acordo com a reportagem, Carneiro, este presente no evento Fintech week19, em um painel que contou com a presença de Fernando Furlan, membro do conselho consultivo da ABCB, iago Aguiar, representando o Tecban (empresa responsável pelos terminais 24 horas) e Fernando Rieche, diretor do BNDES Garagem.

Carneiro declarou que não cabe ao Banco Central do Brasil regular o Bitcoin e que as criptomoedas podem representar uma mudança total no papel do Estado, podendo eliminar até mesmo sua necessidade.

Além disso, durante o debate, Carneiro também falou sobre a ideia de lastro, geralmente atribuída a moeda nacional emitida pelo Banco Central e que muitos especialistas usam para dizer que o Bitcoin é uma bolha por não ter o suposto ‘lastro’.]

“Em última análise aquele pedaço de papel é um token que só tem valor porque as pessoas acreditam no Banco Central. Ele não tem lastro”.

Já Furlan, de acordo com a reportagem, teceu críticas ao PL 2303/2015 de autoria do Deputado Federal Aureo Ribeiro. Segundo ele, o Deputado deveria ter debatido o projeto junto ao Bacen. No entanto há diversos requerimentos pedindo a participação de representantes do Banco Central nos debates inclusive já comparecendo um diretor do BCB em Audiência Pública.

Como noticiou o Cointelegraph, recentemente, a TecBan, rede interbancária brasileira que administra a Rede Banco 24h, e possui mais de 40 bancos conveniados, com mais de 23 mil caixas eletrônicos presentes em mais de 600 cidades brasileiras, anunciou, em uma entrevista ao Cointelegraph, uma aplicação única de blockchain chamada End-to-End que integrará os caixas eletrônicos da rede e elimina a necessidade de envio de dinheiro físico ao Banco Central do Brasil.

Fonte: Cointelegraph

Comentários

Deixe um comentário

  Subscribe  
Notify of